Blog

III CONGRESSO EUCARÍSTICO E MARIANO

III CONGRESSO EUCARÍSTICO E MARIANO

A Virgem Maria no mistério de Cristo e da Igreja

 

No próximo dia 01 de outubro, domingo, a diocese de Ilhéus vai realizar o III Congresso Eucarístico e Mariano, evento esse que acontecerá na cidade de Ilhéus. Caravanas de todas as cidades da diocese vão se reunir no Centro de Convenções. À tarde se fará a procissão eucarística rumo à Catedral onde será dada a bênção do Santíssimo Sacramento e em seguida será celebrada a Santa Missa concelebrada por todos os padres da diocese. E encerrará os festejos a apresentação da banda católica Anjos de Resgate. 

O Congresso tem como objetivo celebrar os 300 anos da pesca da imagem de Nossa Senhora Aparecida em Aparecida, SP e os 50 anos da inauguração e dedicação da Catedral de São Sebastião.

O ponto de convergência da celebração é a Eucaristia, porque a Igreja vive da eucaristia.

Maria, a mãe de Jesus, foi-nos dada por ele como nossa mãe. Como toda mãe ela cuida dos seus filhos, especialmente os mais carentes e necessitados. Por isso Deus permite que ela apareça em várias ocasiões para indicar o caminho no seguimento de Jesus Cristo e para consolar os pobres.

Foi o que aconteceu em Aparecida, que se transformou no maior santuário mariano da Igreja. Aí Deus tem manifestado sua graça e poder por intermédio da intercessão de Nossa Senhora Aparecida, em favor dos pobres e sofredores que aí acorrem em busca de graças e favores celestiais.

É grande a afluência de peregrinos a Aparecida durante todo o ano. São milhares de féis que vão pedir favores e pagar suas promessas e agradecer graças recebidas.

São trezentos anos que o povo fiel recorre à Nossa Senhora Aparecida e mantem viva a chama da fé cristã. Isso porque a Virgem Maria ocupa um lugar de destaque no mistério da Cristo e a Igreja. Escolhida por Deus para ser a mãe do Redentor, Jesus Cristo, Filho de Deus, ela é imagem da Igreja que Jesus fundou para anunciar o Reino de Deus no mundo e evangelizar todas as pessoas para que aceitem Jesus como único Salvador da humanidade.

Celebramos também os cinquenta anos da inauguração da catedral em Ilhéus. A catedral tem esse nome porque aí está a cátedra, a cadeira do bispo, sinal de unidade da Igreja diocesana.

A cátedra é o locar de onde se ensina. O bispo recebe o poder de Cristo para ensinar o povo fiel. E ele ensina exatamente da cátedra, da cadeira, que está na catedral.

Pedimos a Deus ardente amor pela Igreja, inflamado zelo pela evangelização dos povos e responsabilidade salvífica pelos pobres. Não falte a assistência do Espirito Santo ao bispo para, com firmeza e ânimo, ensinar, governar e santificar o povo que lhe é confiado para pastorear.

Esperamos que a celebração desse ano jubilar traga à Igreja de Ilhéus um vento impetuoso de santidade, a graça de um tempo novo de anúncio do Evangelho, um vigoroso testemunho de fé e profunda experiência de perdão e reconciliação para o Maior Bem da Almas e a glória de Deus.

Pedimos a intercessão de São Sebastião, padroeiro da Catedral, para podermos honrar a Deus servindo à Igreja de Jesus Cristo e “preferir permanecer na soleira da casa de Deus do que morar nas tendas do ímpio” (Salmo 84, 11).

Dom Mauro Montagnoli CSS

Bispo diocesano de Ilhéus


Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

*


Dom Mauro Montagnoli

Acesse a sessão do bispo no site, obtendo acesso as suas publicações e suas atividades.

FIQUE POR DENTRO

Inscreva-se para receber atualizações do nosso portal de notícias, acompanhando todas as novidades no seu e-mail a todo momento.

INSCREVA-SE AGORA


DIOCESE DE ILHÉUS

  • (73) 3231 3368
  • contato@diocesedeilheus.com.br

Outros Sites